Vocabulário Cervejeiro

Quando começamos a ler sobre cervejas especiais começamos a ver algumas siglas diferentes do nosso conidiano. Desse modo, resolvi criar esse post para explicar o que cada termo significa, assim ajudando vocês a terem uma maior compreensão dos estilos.

OG: Original Gravity, ou gravidade original. É a medida das substâncias fermentáveis e não fermentáveis do mosto cervejeiro antes da fermentação.

FG: Final Gravity, ou gravidade final. É a medida das substâncias não fermentáveis, só que tomada após a fermentação. O comparativo entre as duas medidas, efetuado por instrumentos e com a ajuda de cálculos matemáticos, determina a potência alcoólica da cerveja.

ABV: Alcohol by Volume, ou álcool por volume. É a medida de álcool na cerveja. De maneira geral, são classificadas como cervejas de baixo teor alcoólico as que variam entre 0,5 – 2,0%. De médio teor entre 2,0 – 4,5%. Cervejas acima de 4,5% são consideradas de alto teor alcoólico.

SRM: Standard Reference Method, que é uma escala usada nos Estados Unidos para determinar a coloração da cerveja. Ele pode variar entre 2 - 3 que é Amarelo – Palha (Lite American Lager) até 40+ conhecido por Preto opaco (Russian Imperial Sout).

IBUs: É abreviação de International Bitter Units e trata-se de uma medida para averiguar quão amarga é uma cerveja. Entre 10 e 15 IBU são pouco amargas. Com aproximadamente 35 IBU, existe um agradável realce do lúpulo. Acima de 40 IBU é uma cerveja forte, bem lupulada (bem amarga). Ultrapassando os 60 IBU, é uma cerveja super lupulada e muito amarga.

Comentários